Como se preparar para uma maratona

O desafio de correr 42 km em uma maratona não é para corredores amadores. Alcançar essa marca exige dedicação e tempo de preparo. Acredito que todos conco que é um desafio que não se alcança do dia para a noite.

É essencial que o corredor tenha uma boa bagagem que o prepare para esse percurso, como já ter corrido meia maratona e outras distâncias. O desgaste desse percurso pode ser não apenas físico, como também mental.

Sofrer contusões no meio da corrida, perder o fôlego, ficar preocupado com o tempo do adversários, preocupar com a sua hidratação, esses são alguns fatores que é preciso trabalhar para conseguir se preparar para uma maratona. Confira aqui outras dicas que podem te ajudar.

Faça um check up com seu médico

Ir ao médico para saber se está tudo bem com o seu corpo é o primeiro passo para saber se você está preparado para encarar uma maratona de 42 km.

Colocar o exames em dia, conhecer seu metabolismo, cuidar da alimentação, todos esses fatores são imprescindíveis para ter um bom desempenho durante a prova.

E não deixe para buscar um profissional em cima da hora. Esse acompanhamento deve ser feito com meses de antecedência.

Cuide da sua alimentação

Uma boa alimentação faz toda diferença no desempenho do atleta. Buscar consumir alimentos que dão energia para completar esse percurso te ajudará a correr mais e melhor.

Buscar ingerir alimentos com quantidades balanceadas em gorduras, carboidratos e proteína é o que fará você dar conta de uma maratona.

Por isso, é recomendável procurar um nutricionista esportivo para te ajudar a montar um cardápio que te forneça a energia que irá precisar, tanto nos treinos como no dia da prova.

Um suplemento que fará diferença durante esse preparo é um whey protein isolado. Esse tipo de suplemento tem como base a proteína do soro do leite, tendo pelo menos 90% de proteína em suas porções.

Esse suplemento te ajudará a reconstruir a massa muscular após os desgaste do treino e da corrida, ajudando também a eliminar radicais livres que seu organismo produz durante o percurso.

Todo preparo é necessário

Não poupe tempo nem esforço para se preparar para esse tipo de prova, o treino é fundamental para que se tenha sucesso. É através dele que você vai preparar seu corpo e espírito.

Para esse tipo de prova, ter o acompanhamento de um profissional fará toda diferença em seu desempenho. Caso você seja o tipo de corredor que gosta de treinar por conta próprio, talvez esteja na hora de buscar a ajuda de um técnico.

Um dica legal também é variar o tipo de atividade. Não que você irá se tornar um triatleta, mas buscar pedalar e nadar em dias que você não corre pode ajudar seu corpo a ganhar melhor condições físicas e melhorar seu cardiorrespiratório, preparando também seu corpo para os impactos da corrida.

Foco é tudo

Manter o foco é fundamental para que seus treinos dêem resultados. Crie uma rotina para isso, e faça de tudo para não sair dela.

Se completar essa maratona é realmente seu objetivo, de fato você terá que abrir mão de algumas coisas, como a festinha entre amigos do final de semana.

Também terá dias em que a preguiça vai querer tomar conta, você pode considerar isso uma auto sabotagem do seu subconsciente. Seja mais forte do que ele e não permita que a preguiça tome conta, mande ela para bem longe.

Respeite seu corpo

Claro que você também tem direito a descanso, até porque sua vida não gira em torno de corridas e maratonas. Quando você planejar sua rotina, é importante também deixar os espaços para o descanso.

Não se cobre tanto para obter resultados, a corrida deve ser uma meta relaxante e empolgante, e não um momento de stress. Por isso, respeite os limites do seu corpo, para não desgastá-lo. Se começar a ter câimbra ou sintomas de fadiga, significa que você está ultrapassando seu limite.

Tenha a corrida como um exercício que te estimule também em outras situações da vida, como no trabalho e na família. Aproveite a corrida para também apreciar a paisagem e o caminho que percorre.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *